BEBER MUITA ÁGUA FAZ MAL? VEJA SE TOMAR ÁGUA EM EXCESSO FAZ MAL A SAÚDE

Afinal de  contas, Beber muita água faz mal para a saúde?  É o que você vai acompanhar a partir de agora nessa matéria…

A ÁGUA E SUA IMPORTÂNCIA

A água é extremamente importante para o corpo humano, pois, além de estar presente em grande quantidade em todas as células do corpo, representando cerca de 60% do peso corporal, também é indispensável para o correto funcionamento de todo o metabolismo.

A maioria de nós deveria beber mais água, mas há quem seja o oposto e as consequências também não são as melhores.

Beber água é, provavelmente, a recomendação mais frequente de nutricionistas e profissionais de saúde, já que é absolutamente vital para que o nosso corpo funcione corretamente. E é, a menos que beba em demasia. Embora a maioria das pessoas cuide dos sinais de desidratação, o excesso de hidratação é igualmente perigoso.

Beber muita água pode resultar em intoxicação por água, também conhecida como hiponatremia, causando uma inundação no interior das células devido a níveis anormalmente baixos de sódio na corrente sanguínea. Em casos graves, a intoxicação por água pode levar a problemas de saúde debilitantes, como convulsões, coma e até morte, mas fica tranquilo, isso é raro, e ocorre, geralmente, quando a pessoa tem alguma doença, toma remédios específicos que causam retenção de líquido ou possui algum tipo de compulsão por tomar água.

Sinais de quem Bebe Agua em Excesso

Veja agora 9 sinais que podem indicar que você está tomando água em excesso.

9) Nunca sai de casa sem sua garrafinha:

Isso pode configurar um sinal que está bebendo água em excesso, principalmente se enche ela a todo momento que esvazia, A adição constante de água ao corpo pode resultar em baixos níveis de sódio no sangue, o que pode fazer com que todas as células do corpo inchem.

 8) Bebe água mesmo quando não está com sede:

A melhor maneira de saber se o seu corpo realmente precisa de mais água é ter a consciência de que sente ou não sede.

7) Bebe água até que a urina esteja limpa: 

Se estiver a beber uma quantidade saudável de água, a cor da urina deve ser da ‘cor de palha’ ao amarelo transparente. Embora a maioria das pessoas acredite que a urina clara é o sinal mais saudável de hidratação, ter urina sem pigmentação pode ser um sinal de que está bebendo muita água.

6) Urina durante a noite: 

Acordar com frequência a meio da noite para ir à “casinha” é sinal de que está bebendo muita água.  A maioria das pessoas urina entre seis e oito vezes ao dia. 

5) Sente náuseas e tem vómitos: 

Os sintomas da hiperidratação são parecidos com os da desidratação.  Poderá ter náuseas vómitos e diarreia. 

4) Tem dores de cabeça latejantes ao longo do dia:

 Dores de cabeça são um sinal de hiperidratação e desidratação. 

3) Inchaço ou descoloração nas mãos, lábios e pés: 

Em muitos casos de hiponatremia, as pessoas verificam inchaço ou descoloração perceptível nas mãos, lábios e pés. Quando todas as células do corpo incham, a pele também começa a inchar visivelmente. 

2) Músculos fracos que tendem a sofrer cãibras facilmente:

Ter um corpo saudável e totalmente funcional tem tudo a ver com equilíbrio. Quando bebe muita água, os seus níveis de eletrólitos caem e esse equilíbrio é comprometido. Níveis baixos de eletrólitos podem causar uma série de sintomas desagradáveis, incluindo espasmos musculares e cãibras. 

1) Fadiga:

Os rins são responsáveis por filtrar a água que bebe e garantir que os níveis de líquidos na corrente sanguínea permaneçam equilibrados. Quando bebe muita água, os seus rins precisam de trabalhar ainda mais, criando uma reação que deixa o seu corpo em stress e em fadiga. 

Confira o conteúdo dessa matéria no vídeo abaixo:

´Vídeo do nosso canal no Youtube sobre a matéria.

Como o excesso de água prejudica a saúde

A presença de água em excesso no corpo é conhecida como “intoxicação por água” e acontece quando o volume de água no organismo é muito grande, causando uma diluição do sódio disponível no corpo. Quando isso acontece, e a quantidade de sódio fica abaixo dos 135 mEq por litro de sangue, ( número de miliequivalentes (mEq) contido em 1 mililitro de solução) a pessoa acaba desenvolvendo um quadro de hiponatremia.

Quanto menor for a quantidade de sódio por litro de sangue, ou seja, quanto mais grave for a hiponatremia, maior o risco de afetar o funcionamento do cérebro e até causar lesões permanentes no tecido cerebral. Isso acontece principalmente pelo inchaço do cérebro, que faz com que as células cerebrais sejam pressionadas contra os ossos do crânio, o que pode resultar em lesões no cérebro.

O excesso de água pode ser ainda mais problemático em pessoas que têm alguma doença cardíaca ou renal, já que o desiquilíbrio de sódio pode afetar o funcionamento cardíaco e o excesso de água pode prejudicar o funcionamento dos rins.

Qual quantidade de água devemos beber?

Vale dizer que a quantidade mínima diária recomendada é de cerca de dois litros, mas pode-se, tranquilamente, ingerir mais água do que isso, chegando a, até mesmo, cinco litros por dia, segundo Reginaldo Valácio. “O que não se pode fazer é querer beber toda essa quantidade de uma vez só. O ideal é fracionar durante todo o dia. Deve ser um hábito natural”, orienta o médico destacando que os rins são capazes de filtrar cerca de um litro de líquido por hora.

Existe hora certa para beber água?

Outra crendice popular dá conta de que devemos beber água antes mesmo de sentir sede, porque essa sensação seria um sinal do corpo alertando que está desidratado. Sobre isso, o médico diz que não há motivo para alarde: “A sede não é um alarme, mas sim um mecanismo perfeito do nosso organismo, por isso não há problema algum em esperar ela chegar para bebermos água. Entretanto, em épocas de calor, é importante ingerir um pouco mais de água do que a sede pede”.

Sucos e refrigerantes

Outra precaução que todos devem ter, principalmente no tempo mais quente e seco, segundo o clínico geral, é não exagerar na ingestão de bebidas com excesso de calorias, como refrigerantes e sucos industrializados.

Cuidado deve ser redobrado com os idosos 

É preciso dar atenção especial aos idosos, que são mais sensíveis à desidratação. é importante que as pessoas da terceira idade tenham o auxílio de familiares ou cuidadores para que não sofram com os efeitos do calor e para que bebam água em quantidade suficiente para suprir as necessidades do organismo. Então galera vamos todo mundo dar água pros “véios”, (sic) vamos lembrar eles da importância de se beber água que é vital para a nossa saúde, mas sem excesso como vimos.

E aí gostou do tema do conteúdo de hoje, diz aí nos comentários, sugira temas para tratarmos aqui no nosso site dê sua opinião.

E a dica de hoje do nosso site, já que falamos de água, essa dica vai para a dona de casa,  que fica na cozinha horas e horas preparando pratos para a família, diminua seu tempo no preparo de alimentos clique aqui e conheça o processador de alimentos multifuncional Nicer Dicer Plus que vai facilitar em muito o seu dia dia, fazendo com que você gaste menos tempo no preparo dos alimentos.

Fontes de Pesquisa: Google, Blogs Notícias ao minuto, Tua saúde e Revista Encontro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Me Chame